terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Minha retrospectiva 2013


Semana passada fiz uma retrospectiva das postagens mais visitas no blog nesses primeiros meses de vida, e hoje vou falar dos fatos mais importantes que aconteceram na minha vida nesse ano =D

2013 para mim não foi o dos melhores anos, tive perdas, frustrações, desemprego e por aí vai, mas também não foi um ano de todo ruim, conheci pessoas novas, continuei recebendo o carinho das que já amava antes, e nos momentos mais ruins desse ano pude perceber o quanto elas se importam comigo.

Em fevereiro colei o grau da faculdade de história, foi uma daquelas cerimonias chatas, mas foi a última vez que a maioria do pessoal da sala se reuniu, também contei com a presença da minha família e dos meus amigos lindos, e do meu namorado, que colou grau junto comigo, mas para outro curso e o melhor de tudo, recebi alforria da UEL ahsuahsuahu


Pós formada, acreditei que as coisas fluiriam, pois, agora poderia trabalhar, ter meu dinheiro, e agilizar minha vida, eu estava feliz, era contrato prorrogado pelo PSS (sistema que o governo faz para contratar professores substitutos), mas doce ilusão, toda vez que me chamavam no núcleo haviam pessoas na minha frente e eu não conseguia pegar aulas, chegou no dia 30 de março meu contrato acabou, e eu e um rapaz ficamos de fora =/
Depois disso, fui em busca de outro trabalho qualquer, comecei a fazer entrevistas, tanto em coisas da minha área quanto em empregos qualquer, e ai vem mais uma decepção, ninguém me contratava, a maioria por acharam que eu tinha cara de criança, outros porque eu estava estudando aos sábados, e também teve os que não me deram emprego porque eu tinha diploma de faculdade, e achavam que eu iria querer ganhar mais por isso Oo

Em meio a toda essa frustração, meu gordo, o Bethovem, adoeceu e morreu, então baqueei de vez, tinha ele desde os 9 anos de idade, todo o processo de doença dele foi muito sofrido, passei inúmeras noites em claro, e no dia em que ele faleceu tivemos que optar pela eutanásia, pois ele estava agonizando e não havia mais jeito :'(


Passei tanta tristeza nesse meio tempo que meu corpo começou a responder a isso, minha gastrite foi tão forte que evoluiu para esofagite, as dores eram ainda maior, eu só podia dormir sentada por um tempo e com muito mal estar. Paralelo a isso descobri que estava pré diabética (eu falo sobre isso aqui), e tive que cortar todo chocolate que me consolava diariamente.

Diante toda essa situação, eu cheguei em uma fase bem depre, desanimada da vida, então minha mãe me colocou em um tratamento com psicologa, que foi muito bacana, me ajudou a dar uma aprumada, quem morar na região e quiser contato com ela pode falar comigo...

E em paralelo ao período que meu gordinho se foi, eu estava engajada nas lutas para melhorar o transporte público da minha cidade, melhorias essas que já estávamos reivindicando com manifestações desde 2010. Mas como no meio desse ano os protestos tomaram conta de todo Brasil, eu e um grupo resolvemos voltar para as ruas, pois, as pessoas estavam entusiasmadas e se juntariam a nosso coro dessa vez:


Os protestos foram ótimos, me ajudaram a ocupar a cabeça, e uma alegria imensa tomava conta de mim, de ver todo mundo lutando pela causa... Mas daí acabou a modinha na mídia de protestar, e as pessoas foram sumindo, no último só haviam  9 pessoas e a frustração. Nossas reivindicações foram esquecidas, o jornalzinho da prefeitura começou a dizer que estávamos infelizes por ser oposição, e nosso transporte continuou o mesmo lixo de sempre, só conseguimos 10 centavos a menos na passagem.


No mesmo mês dos protestos e da perda do Bethovem lancei o blog, que era algo para me distrair, ele é como uma terapia para mim, ajudou muito nos meses que eu tava depre, eu ficava pensando no que postar nele, tirava as fotos bizarras, preparava os posts, e era muito legal ver a repercussão das pessoas que conhecia, e dos acessos que fui recebendo ao longo dos meses. Quero agradecer muito a todo mundo que acessa, que comenta, especialmente ao Brayan Ávila, grande amigo que fiz na faculdade e esta sempre me ajudando a divulgar as postagens :*

Algum tempo após esses acontecimentos, minha amiga Amanda, vendo minha frustração do desemprego, conseguiu me encaixar em freelances de promoções e eventos, daí conheci um pessoal muuuuuuuito legal, e como estava conseguindo meu dinheiro novamente, todos problemas de saúde que estava começaram a sumir ou ser amenizados, muito louco como nossas emoções refletem no nosso corpo físico.


Não curto muito falar sobre meu relacionamento, mas na retrospectiva não poderia faltar, esse ano completei 6 anos de namoro com uma pessoa mais que especial, meu melhor amigo e companheiro que me enche de orgulho =D


Também teve a pós graduação, que começou em fevereiro e acabou em novembro, foi muito bacana, minha sala era uma delícia, meus companheiros de turma pessoas maravilhosas pelas quais guardo um carinho imenso, e os professores então? Nem se fala, tive professores surdos tão maravilhosos, com lindas histórias de vida e um carinho imenso, foi uma das melhores coisas do meu ano a ter feito, a única coisa ruim é que tive que fazer outro TCC aaaaaaaaah! Mas deu tudo certo, tirei 10 e sobrevivi =D


E basicamente é isso gente, o ano começou mal, foi piorando, mas no fim ficou bem, eu não quero criar expectativas para 2014, porque ano passado estava achando que esse ano seria maravilhoso, então deixa acontecer =D Espero que tenham gostado do resumão, eu sei que exponho demasiadamente minha vida online, mas isso é uma Karinisse, desde que tenho internet faço isso, sempre tive blogs, e adoro compartilhar o que vivo com os outros.

Para terminar desejo a todos vocês que acompanham o blog um excelente 2014, e que ano que vem eu continue com pique para postar e que vocês continuem acessando =p


Um comentário:

  1. É que grande história de 2013, mas é assim mesmo a vida humana uma eterna volta na montanha russa indo e vindo subindo e descendo. ...

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve


Karina, 26 anos, cambeense, historiadora e intérprete de LIBRAS, viciada em internet, redes sociais, séries e joguinhos, estou aprendendo a ser mulherzinha depois de anos sem autoestima e vaidade, e criei esse espaço para falar um pouco sobre todas essas Karinisses!

Siga no Instagram

Snapchat

Snapchat

Seguidores

Arquivos do Blog

Pin It button on image hover