domingo, 4 de agosto de 2013

Séries parte 3



Oi gente! Hoje vou falar de séries novamente. Depois de falar de séries fodásticas, e séries de humor, hoje vou falar de duas séries que gosto bastante, porém, que são mais complexas, cheias de detalhes, histórias confusas e personagens. Então enquadrei elas em outra categoria: séries confusas :p
As duas séries que escolhi foram:  Game of Thrones e Suits.


Game of Thrones é uma série com roupagem medieval, porém, ela não é fiel ao período, e nem tenta ser por ser uma série de fantasia, nela ao contrário deste período, existem vários deuses, além de seres que são uma espécie de zumbi, dragões e pessoas com poderes. Falando assim pode parecer estranho, mas no desenvolver da mesma o universo criado vai fazendo sentido. Na primeira temporada, esse universo fantasioso é deixado um pouco de lado, quase não fazem referencia a isso, ela se foca mais nas intrigas que ocorrem entre as famílias que querem tomar o trono, por isso, o nome da série.


O que acho de complicado nela é que são muitos personagens e reinos, e cada família tem um drama, daí você tem que prestar muita atenção, rever partes, tudo para tentar entender o rolo todo. Eu particularmente não sei o nome nem da metade dos personagens, daí vou colocando apelidos, como "a mulher do fogo", "o rei do veado", "o encantado"... e assim vai...
Mas mesmo com essa confusão toda a série é boa, as vezes é bem parada, mas tudo bem. O que ela tem de melhor são os cenários, os efeitos, as roupas dos personagens, é tudo muito lindo de se ver!

Suits é uma série sobre advogados, na foto que postei acima estão os dois principais personagens, Mike e Specter. A história gira basicamente em torno dos dois, o mais novo tem uma memória excelente, saca tudo de direito, mas não tem graduação na área, o segundo é um dos advogados mais fodas de Nova York, que o aceita como uma espécie de estagiário mesmo ele não tendo formação, só porque acha ele foda. Então eles fazem umas maracutaias para fingir que Mike é formado em Harvard e no desenrolar dos episódios eles vão resolvendo casos judiciais, enquanto Mike vai dando umas brechas que podem fazer com que descubram a mentira e comprometer a carreira dele e de Specter. A série é legal, mas também acho super confusa, não por causa de personagens e tramas, como no caso anterior, mas pelas falas, e coisas mais técnicas na profissão de advogado, as vezes fico boiando e outras vezes não consigo acompanhar as falar. Mas a série é bacana, há um bom entrosamento entre os atores sabe? Acho que isso é muito importante em uma série, se não fica sem graça que nem "Terra Nova", aquela série de dinossauros que foi cancelada, eu achava que os atores não tinham esse entrosamento, era totalmente sem sal.

Enfim é isso, em breve volto com mais séries e opiniões pessoais :p

4 comentários:

  1. "a mulher do fogo", "o rei do veado", "o encantado"
    adorei kkkkkkk

    ResponderExcluir
  2. Se eu puder ajudar com os termos da série que você não entende...
    asuahsuhau
    (A propósito, eh a Mari =p)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas do Brasil pros Eua não muda as coisas?

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve


Karina, 26 anos, cambeense, historiadora e intérprete de LIBRAS, viciada em internet, redes sociais, séries e joguinhos, estou aprendendo a ser mulherzinha depois de anos sem autoestima e vaidade, e criei esse espaço para falar um pouco sobre todas essas Karinisses!

Siga no Instagram

Snapchat

Snapchat

Seguidores

Arquivos do Blog

Pin It button on image hover