quarta-feira, 17 de julho de 2013

Séries fodásticas



Adoro acessar blogs, e sempre leio meninas ditando regras do que é certo ou errado na moda, do que é legal ou não na mídia, e acho que não tem nada a ver fazer isso, porque o que pode ser bacana para um, para outro pode ser bem ruim. Por isso escolhi o nome do blog "Karinisse", porque vou mostrar os meus gostos aqui, expressar minhas opiniões, e não ditar regras. O assunto hoje são séries, adoooooro, então vou colocar minhas considerações sobre algumas delas.

Séries Fodásticas !!!




Breaking Bad, Dexter, Homeland e Sherlock (nomes por sequência das fotos), são séries que considero fodásticas do gênero drama, porque ao contrário das novelas que estamos acostumados por aqui, o enredo das mesmas são muito originais, não seguem o clichê de mocinho e mocinha sofrendo o tempo todo para no fim ficarem junto (Homeland tem um pouquinho desse drama, mas mesmo assim o desenrolar da série é muito bom).

Breaking Bad conta a história de um professor de meia idade, um cara ferrado, que ganha pouco dando aula, trabalha em um lava-rápido para complementar renda, tem um filho deficiente e sua mulher está grávida, como se não bastasse o cara descobre um câncer no pulmão e o médico diz que seus dias estão contados. Com medo de morrer sem ter pago a hipoteca da casa e deixar sua família ferrada, o cara que é professor de química resolve produzir metanfetamina, e ai que a série vai ficando louca, ele é muito bom na produção da droga mas não tem as malícias dos traficantes. Pra saber o resto só assistindo, mas tem umas sacadas muito boas, o diretos gosta de colocar uns flashbacks e alguns detalhes que você tem que prestar bastante atenção para captar coisas na série. Os atores são sensacionais, Bryan Cranston que interpreta o personagem principal dá um show de bola, não é a toa que a série é super premiada!

Dexter é uma série pela qual eu tinha preconceito antes de assistir, mas resolvi dar uma chance e me apaixonei. Ela conta a história de um serial killer, que para controlar seu desejo de matar mata outros serial killers. Pode parecer bobinha falando assim, mas o desenrolar dos acontecimentos são muito legais, sinto como se em cada temporada o Dexter descobrisse algo sobre si, sobre como são os sentimentos dos quais ele é privado, ou nem tanto? Enfim, está na última temporada, já fico até meio triste por isso, mas é melhor acabar antes que encham linguiça e estraguem a série. A única coisa que não me agrada muito é a abertura da série, acho bem nojenta. 

Homeland - Bom, essa série demora um pouco a pegar no tranco, mas quando pega pega ahsuahsuahsua... Ela conta a história de um soldado americano que estava no Iraque e foi capturado pelos "terroristas". Entretanto, todos pensam que ele foi morto, se passam 8 anos, a família já está conformada, a mulher dele já tá com outro macho, e o cara reaparece, e no meio disso tudo tem uma agente da CIA que acredita que ele se converteu ao islã e virou "terrorista" também. O problema é que essa mulher tem problemas psicológicos, e é isso que deixa a série boa, a Claire Danes que interpreta a Carrie agente da CIA, é muito foda, nas interpretações de loucura dela, você realmente acredita que ela esta louca. A primeira temporada termina de uma maneira que te deixa sem folego, ai você pensa que não tem como a segunda ser boa, e booom é melhor que a primeira, estou com o mesmo sentimento pra terceira, de que será ruim, tomara que esteja enganada como aconteceu antes! Uma coisa que achei muito interessante na série, é que ela é baseada em um livro feito por um árabe, então a série não mostra só o lado dos americanos, e ela te faz questionar quem são os "terroristas".

Sherlock é uma graça, o ator Benedict Cumerbatch ao meu ver ficou perfeito no papel, pois, Robert Downey Jr. que me perdoe mas ele não tem cara de Sherlock. Em um primeiro momento não me agradou a ideia de fazer um Sherlock nos tempos atuais, mas ficou muito bom, e os smartphones até ajudaram na vida do detetive =p Além disso, gostei bastante do entrosamento dos atores que fazem o Sherlock e o Watson. A única coisa ruim é que são apenas 3 episódios por temporada, porém, cada episódio tem 1 hora e meia de duração, mas mesmo assim é pouco =(

(Outro dia escrevo sobre outros gêneros, se não o post vai ficar giganteeee ;) )

4 comentários:

  1. Das séries que você postou só não acompanho HOMELAND, é bom mesmo??? fico com um pé atrás não sei o por que...
    Você acompanha Boardwalk Empire???

    ResponderExcluir
  2. Eu acho muito boa, o começo é meio enrolado, apresentando enredo e personagens sabe? Mas depois fica muito boa. Então eu assisti só o primeiro episódio de Boardwalk Empire, porque faço assim, quando termino uma série que gosto, baixo o primeiro episódio de outras séries que me recomendam, ai a que me atrair mais passo a assistir, e ela no primeiro episódio não me cativou muito, mas, mais pra frente, quando não estiver vendo nada, quem sabe né ;)

    ResponderExcluir
  3. Uma dica ótima é Les Revanants. É uma série francesa. Cada episodio foca em um personagem. Em uma determinada cidade da frança algumas pessoas voltam a viver sem explicação alguma. Cada pessoa faz um determinado de tempo que morreu e aparentemente elas nao tem nada em comum a nao ser o fato de ja terem morrido. Detalhe importante que a série nao tem nada a ver com Zumbis
    Essa eu recomendo vc assitir hj. ë um super drama

    ResponderExcluir
  4. Que pira, fiquei curiosa, assim que acabar as que estou vendo vou baixar ;)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem escreve


Karina, 26 anos, cambeense, historiadora e intérprete de LIBRAS, viciada em internet, redes sociais, séries e joguinhos, estou aprendendo a ser mulherzinha depois de anos sem autoestima e vaidade, e criei esse espaço para falar um pouco sobre todas essas Karinisses!

Siga no Instagram

Snapchat

Snapchat

Seguidores

Arquivos do Blog

Pin It button on image hover